rico
Mentalidade

Então, já és rico? Lê bem este hábito.

Por a 15 Abril, 2018

Boa noite empreendedores,

Hoje decidi falar sobre um assunto muito falado no Mundo de quem decide percorrer um caminho diferente da maioria, quem decide assumir negócios inovadores, fazer o seu próprio trilho.

Desde o primeiro dia que comecei os meus negócios nestas indústrias, os meus conhecidos mais cépticos, e que nada fazem em empreendedorismo, todos começaram a olhar para mim de forma diferente, como se fosse um “criminoso”. Quase todos eles de tempos a tempos me ligam ou enviam mensagens com a pergunta “Então, já és rico?”, sempre em tom irónico claro! Guardei todas as mensagens, não para um dia me “vingar”, mas sim para lhes relembrar que a humildade é um valor superior, e que nunca se pode duvidar de quem tem sonhos e está disposto a ultrapassar todos os obstáculos. Até porque associar a luta por objetivos com riqueza, não conhecer a verdadeira finalidade do dinheiro, vê-lo como algo negativo, pode ser associado a frustração ou mesmo inveja de quem lutou para melhorar a vida da sua familia.

 

Na realidade, estas pessoas não sabem o que é empreendedorismo, ainda não desenvolveram essa mentalidade, não sabem o que é um negócio, pensam que esta visão é um “embuste” (não olham para os exemplos), mas têm medo que eu tenha sucesso, caso contrário não se dariam ao trabalho de se lembrar de mim e enviar mensagens ou ligar, é porque querem mesmo saber se isto está a correr bem ou mal. Sentem preocupação pelos meus resultados, por eles próprios não acreditarem que empreendedorismo é o caminho com mais potencial do Mundo, e o que gera mais oportunidade para as pessoas e famílias!

 

O grande problema é que eles não sabem a realidade de um negócio, tal como eu não sabia no inicio, que passa sempre por 5 fases: investimento, trabalho, retorno, mais trabalho e lucro. Como a maioria das pessoas não têm uma mentalidade empreendedora, iniciar um negócio faz lhes muita confusão e cepticismo. Nós não prometemos riqueza, apenas apresentamos uma oportunidade muito clara, dependente do trabalho da pessoa poder atingir realmente o que sempre sonhou e ,principalmente, um desenvolvimento pessoal GIGANTE.

 

Agora, isso apenas depende da pessoa, eu janto com empreendedores que geram muita riqueza, mas também falo com pessoas que desistiram deste caminho na primeira semana, mês, etc. Porquê? Porque uns estão dispostos a TRABALHAR e outros não querem ESFORÇO! Estes últimos, apenas estão a adiar um problema de “mindset”, a culpa do insucesso deles não foi do negócio, foi da falta de mente empreendedora,  desistir não lhes vai resolver esse problema, apenas vai adiar, visto que na vida, aos primeiros obstáculos ou dificuldades, eles vão continuar a desistir de tudo, porque não querem ESFORÇO e TRABALHO!

 

No meu caso, e para os mais curiosos, estou a caminhar para os meus objetivos, estou a construir os meus negócios e a ultrapassar as fases de negócio rumo ao sucesso. Como tal, hoje em dia, quando me fazem a pergunta “Então já és rico?”, eu respondo com uma pergunta e uma resposta:

 

– E tu o que estás a fazer na vida pela tua familia?

 

e

 

– Estou a construir o meu negócio e já alcancei alguns objetivos muito interessantes aos olhos da maioria.

 

Uma coisa é certa na minha vida, ao longo do caminho, vou sempre ouvir estas “bocas” de insegurança, de pessoas que nada fazem para eles próprios, que trabalham para enriquecer os seus chefes, e têm medo que eu tenha sucesso, visto que eles não acreditaram nesta caminhada de possibilidades e têm medo de ter errado na decisão. Mas um dia, felizmente, já lhes vou poder dizer a resposta que eles não esperam:

 

Sim, já sou rico! Estás contente?

 

Na verdade, lutar, só por si, para ser rico, não faz sentido, mas os meus objetivos, hoje mais que nunca, passam por ser, pois nessa altura estarei com um desenvolvimento pessoal a 500%, assegurei a minha vida, da família e das próximas geraçõesajudei milhares de pessoas no meu caminho a conquistar o seu sucesso, e já terei aberto uma escola em África para crianças carenciadas. Estes são os meus objetivos de vida, e como só depende de mim chegar ao objetivo, tenho a certeza que o vou atingir. Não sei se será daqui a 4 anos, a 10, 20 ou 30, mas sei que vou conseguir. Porque quando o teu “porquê” é prioritário, todos os obstáculos são pequenos demais para tanta obsessão!

 

Muitos parabéns a todos os empreendedores que me acompanham, não por eu ser o dono da razão, mas porque guio a minha vida pelas leis de vida das pessoas mais bem sucedidas do Mundo, que dispõem de felicidade e liberdade, e já aprendi muita coisa com eles.

 

Obrigado por tudo o que nos tem acontecido e nunca deixem que vos roubem os sonhos.

 

Grande abraço

TAGS
RELATED POSTS

LEAVE A COMMENT

ANDRÉ NAVE
Lisboa, Portugal

André Nave, mais conhecido por “Nave”, jovem empreendedor, tem 25 anos, nasceu num seio familiar honesto e trabalhador, tímido, mas com objetivos e sonhos grandes. Finalizou a sua licenciatura de Comunicação e Marketing em 2014, onde trabalhava em cafés e call centers enquanto estudava, de seguida ingressou na sua área, no mercado tradicional, em empresas multinacionais, estava completamente iludido sobre o seu futuro de vida, tendo tomado uma decisão inequívoca de lutar pelos seus sonhos, utilizando a mentalidade empreendedora como veículo.